sexta-feira, 28 de maio de 2010

John Norum By Ed: 2 CDs


John Norum é um guitarrista famoso de hard rock, co-fundador da banda Europe. Ele nasceu no dia 23 de fevereiro de 1964 em Vardö, Noruega, mas se mudou para a Suécia com apenas um ano e cresceu em Upplands Väsby, um subúrbio de Estocolmo. Com doze anos começou a tocar guitarra, influenciado por Deep Purple e Kiss. Seu talento já era nato, e com quatorze anos, seu padrasto Thomas Witt (gerente da antiga CBS, na Suécia) levou John para gravar com Eddie Meduza, um rockstar sueco. John gravou um álbum "Punkjävlar", e saiu em turnê pela Suécia. O álbum chegou a disco de ouro na Suécia, mas John, não satisfeito em tocar punk saiu da banda e decidiu seguir seu próprio caminho, ou seja, voltar ao som pesado de DEEP PURPLE e outras bandas.

John Norum ficou completamente fascinado após ouvir Thin Lizzy e UFO, e consequentemente passou a ser um grande fã de Gary Moore e Michael Schenker . Ele formou o WC, que depois viria a se tornar Force (já com Joey Tempest). A banda participou e ganhou um campeonato sueco de rock de 1982, com John Norum eleito melhor guitarrista e Joey o melhor vocalista. Durante a competição a banda mudou o nome para Europe, nome que entraria para a história do hard rock quatro anos depois.

John Norum decidiu fazer carreira solo e fazer sucesso fora da Europa. Dentre os diversos álbuns e sucessos destaca-se o seu terceiro álbum "Another Destination" de 1995, lançado no mesmo ano em que se casou com a guitarrista Michele Meldrum, falecida em maio de 2008. O outro álbum é o tão esperado "Play Yard Blues", lançado agora em 17 de Maio de 2010. São 2 ábuns mostrando um pouco de duas fases da genialidade desse grande guitarrista e cantor de rock. (fonte: Wikipédia)



(2010) Play Yard Blues

Line Up:
John Norum – guitars, vocals
Tomas Torberg – bass
Thomas Broman – drums
Peer Stappe – percussion
Leif Sundin – vocals (Born Again, Got My Eyes on You)
Mic Michaeli – keyboards

Track List:
01 - Let it Shine
02 - Red Light Green High
03 - It’s Only Money (Thin Lizzy cover)
04 - Got My Eyes on You
05 - When Darkness Falls
06 - Over and Done
07 - Ditch Queen (Frank Marino and Mahogany Rush cover)
08 - Travel in the Dark
09 - Born Again
10 - Play Yard Blues


[RS] [95MB @320kbps]




(1995) Abother Destination

Line Up:
John Norum – Lead vocals, guitars
Kelly Keeling – Lead vocals, keyboards
Tom Lilly – Bass
Gary Ferguson – Drums

Track List:
01 - Inside
02 - Resurrection Time
03 - Strange Days
04 - Spirit World
05 - Shimmering Highs
06 - Whose Side Are You On?
07 - Sunshine Of Your Love
08 - Catalina Sunset
09 - Half Way Home
10 - Healing Rays11 - Jillana


[RS] [128MB @320kbps]

Ouça: Let it Shine

23 comentários:

Sasquepola disse...

Puxa, eu já estava quase "upando" o 'Play Yard Blues' e vê-lo aqui me poupou um bom trabalho hehehe. O disco é muito bom e vale a pena escutá-lo! Quanto ao outro, veremos em algumas horas se é bom também...

Abraços.

Anônimo disse...

NÃO ESTOU CONSGUINDO BAIXAR. APARECE A SEGUINTE MENSAGEM (TRADUÇÃO BY GOOGLE):Seu Cookie não tenha sido reconhecida. Por favor login abaixo, ou comprar uma conta Premium. Sua conta será ativada imediatamente.
NOVIDADE DO RAPIDSHARE? ABRAÇÃO.BETO

Juca Pirama disse...

Bonita a capa do disco recente dele.

Ser da Noite disse...

Beto,

Utilize o Free User do Rapidshare. Se o problema persistir é pq vc desabilitou os cookies.
[ ]s

Ricardo Sarcinelli disse...

Nossa Senhora!!!!!!! (digitando ajoelhado aqui). Baixação urgentíssima. John Norum Rocks!

Anônimo disse...

Favor corrigir o titulo do segundo álbum para ANOTHER DESTINATION. Tá com erro de digitação. Parabéns por essa maravilhosa postagem. Viva o Hard Rock! Tava demorando.
ZB

Edson d'Aquino disse...

É um bom músico mas nunca vou perdoá-lo por ter criado o Europe, hehehe.
Nesno assim, vou dar uma chance ao 'Play Yard Blues'.
[]ões

sou_o_ed disse...

O segundo álbum é simplesmente espetacular Sasquepola... vá com fé.
Abs,

sou_o_ed disse...

Edson,
Também não gosto da fase do Europe... mas fora dele o cara é isso aí... cresceu muito.
Abs,

sou_o_ed disse...

Obrigado pela postagem e pela arrumação Ser... ficou show !
Abs,

Ricardo Sarcinelli disse...

Europe é foda, infiéis!!!!!!!!!

sou_o_ed disse...

Fala Ricardo... nada nada contra o Europe... fez muito sucesso e fez despontar a carreira de John Norum. Apenas um gosto pessoal. Gosto mais da fase do John Norum em carreira solo.
Abs,

sou_o_ed disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sasquepola disse...

Infiéis???

He he he.

Ricardo Sarcinelli disse...

Ok sou_o_ed! Tá em casa, afinal Europe nunca foi e jamais será unanimidade!
Sasque: só prá descontrair...!

Hugs,

Sasquepola disse...

Como muitos (ou ao menos tal qual o Ed) não sou muito fã de Europe (sou um infiel), preferindo mais a fase solo do Norum.

Mas no fim das contas, sem mentir para si mesmo, olhando nos olhos, falando com o coração, jurando pela vida de um ente querido, fidelidades a parte que atire um cd do Europe quem nunca gostou de ouvir,pelo menos uma vez, "The Final Countdown"?

Tã-nãnã-nããn, tã-nãnãnãnãn, Tã-nãnã-nããn, tã-nãnãnãnãnã-nããn...

Abraços a todos, fiéis e infiéis.

Edson d'Aquino disse...

Muito bom o 'Play Yard Blues' mas o 'Another Destination' teve -desculpe a sacanagem- um outro destino, hehehe.
[]ões

sou_o_ed disse...

A idéia de colocar esses 2 trabalhos do John Norum foi mesma em função da diferença entre os 2 trabalhos. Evidentemente uns gostarão mais do "Play Yard Blues", como no seu caso Edson, e outros mais do "Another Destination". Reconheço que o PYB seja um trabalho mais amuderecido e mais bem trabalhado... uma evolução do Norum. No meu caso, por exemplo, já me liguei mais no "Another Day", mais pelas músicas "Strange Days", uma das minhas preferidas dele, e também pela "Shimmering Highs" que muito me agrada. Apesar de eu ter um gosto musical bastante eclético, acho que em certos momentos o lado Hard Rock bate meio que saudosamente em mim, me levando a uns tempos atrás na minha. rsss
Valeu pelo comentário.
Abs,

sou_o_ed disse...

Sem dúvida Sasquepola. O Europe teve bons momentos, mas nunca tive iniciativa de comprar um álbum deles, comparando-os com outros grupos do mesmo gênero. Acho que se destacaram mais pelas hard melódicas, como "Carrie", "Open Your Heart", "Prisoners in Paradise". Acho que um "The Best" deles cairia bem, reunindo seus sucessos.
Abs,

Edson d'Aquino disse...

É que eu não gosto da sonoridade hard/heavy oitentista, Ed. O excesso de teclados e a bateria reta demais me causam um pouco de náuseas, hehehe. Abro exceções a muito poucos, como Van Halen. Fora o fato de que todos passaram a tocar guitarra da mesma maneira e deixou tudo muito estereotipado.
Mas o Norum e mais uma penca de outros guitarristas surgidos na época tocam muito, apenas não curto o estilo de tocar que abraçaram. Mas o melhor é que muitos destes, e o Norum com esse último trabalho é uma prova disso, resolveram voltar à boa e velha escola. A minha pergunta é: será que é porque virou moda, com esse revisionismo setentista que chegou forte ao mercado há uns 10 anos e está cada vez mais forte?
Meu post de amanhã no G&B cabe a mesma pergunta.
[]ões

sou_o_ed disse...

Você tem razão Edson, e sobre o Europe que até comentei acima mas me segurei na opinião... tem a ver com isso que você comentou, daquela fasezinha do início dos 80 onde muitos grupos se perderam, fugindo de suas características e outros surgiram já seguindo uma nova onda, que também não agrada a muitos. Não se aplica a todos nessa década, evidentemente, mas o que foi criado nos anos 70 serve de fonte de inspiração até hoje para muitos. O John Norum passou por essa fase no Europe e no início de sua carreira solo, mas sempre chamou a atenção pelas suas habilidades. Tomara que ele e outros continuem com esse revisionismo setentista, a melhor e mais criativa fase do rock.
Abs,

Ricardo Sarcinelli disse...

Aproveitando o (ótimo) debate: se me perguntassem qual a melhor banda de HR Glam de todos os tempos eu arriscaria CINDERELLA. Gosto bastante do trabalho de guitars, que funde elementos de rock e country. Prá quem se interssar pelo bagulho, sugiro o álbum "Heartbreak Station", clássico da banda.

Abraço a todos, Fiéis e Infiéis!!!

Ed disse...

O Cinderella é um dos que foge da regra Ricardo... também gosto muito dessa banda e tenho muito material deles. Todas as baladas deles são demais e "Nobody's Fool" prá mim é uma das melhores do rock. O "Heartbreak Station" é certamente o maior clássico deles.

Abs,