sexta-feira, 23 de julho de 2010

The Beau Brummels (2000) Live! (1974)


Uma boa banda folk psicodélica (agora virou moda classificar qualquer banda sessentista como psicodélica; até os Byrds ganharam o epíteto; ora, que eu saiba, o som dos Byrds sempre foi country ou folk; só se a classificação leva em conta a quantidade de substâncias lisérgicas consumidas pelos integrantes das bandas catalogadas como psicodélicas; bem, se for assim, O.K.; não tem o que discutir; o que os neguinhos tomavam de LSD, chá de cogumelo, xarope Romilar, etc. [pra ficar só nas lisérgicas], naquele tempo, não tá no gibi; eu mesmo, devo confessar, enfiei a mão em muita bosta de vaca... e tinha muita tosse naquela época; seguidamente precisava tomar xarope...) dos anos 60, aqui no seu único disco ao vivo, gravado em 1974 – numa reunião especial do grupo, que se separou em 1968 – mas lançado somente em 2000, devido a problemas contratuais com gravadoras, segundo informa a Wikipedia. Quem quiser conhecer a história da Beau Brummels, em português, é só clicar aqui, para chegar ao ótimo site brasileiro Mofo, ou, então, em inglês, a indefectível Wikipedia também apresenta informações bastante completas sobre a banda, sem falar nos sites especializados em música, como o allmusic e outros.















The Beau Brummels (2000) Live! (1974)


Músicas:
1. Nine Pound Hammer (Travis) 3:52

2. You Tell Me Why (Elliott) 3:34
3. Turn Around/Singing Cowboy (Durand, Elliott) 8:01
4. Gate Of Hearts (Elliott) 3:18
5. Lonely People (Meagher) 4:19
6. Music Speaks Louder (Elliott) 2:49
7. Lisa (Mulligan) 3:01
8. Tennessee Walker (Elliott) 3:17
9. Don't Talk To Strangers (Duran, Elliott) 2:21
10. Laugh, Laugh (Elliott) 3:15
11. Lonesome Town (Elliott) 3:09
12. Free (Elliott, Engle) 3:45
13. Man And Woman Kind (Elliott, Engle) 4:50
14. Restless Soul (Elliott) 3:29
15. Her Dream Alley (Elliott) 2:34
16. City Girl (Elliott) 3:29
17. Paper Plane (Elliott) 2:59
18. Just A Little (Durand, Elliott) 2:51
19. Love Can Fall (Durand, Elliott) 4:47
Músicos:
Sal Valentino: Vocals
Ron Elliott: Guitar, Vocals
Ron Meagher: Guitar, Bass, Vocals
Declan Mulligan: Bass, Guitar, Harmonica, Vocals
John Petersen: Drums


11 comentários:

Lawrence David disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lawrence David disse...

Aí, cumpadres. Tõ com um blog só sobre música. ABRAÇOS
musicaeomaximo.blogspot.com

Carol Navarro disse...

Olá meninos tudo bem?Estava procurando um dvd/documentario do The Who que foi postado aqui em fevereiro eu acho.Procurei mas não acehi.Algeum pode dar um Help???
Beijos

Celso Loos disse...

Esta certíssimo Duga
Agora todo mundo que gravou alguma coisa no final dos 1960 é psico.
É folk psicodélico
É blues psicodélico
È PSICODÉLICO PSICODÉLICO

Pior que Blogões, Blogs e bloguinhos entram nessa viagem como se o mato dos The Byrds fosse lisérgico. Mal comparando, é como as grandes bandas de um disco só: tem muita gente boa (e outras nem tanto) que inflam por demais aquelas "maravilhas".

Sobre os Brummels, V. Exa. não teria um boxset de (acho) 10 cds? Meus fornecedores russos até tinham, mas comi mosca e os links partiram dessa pra pior.

Mas nada que perca o sono. Qualquer dia desses a gente encontra-os novamente.

Abração

dugabowski disse...

Lawrence, tá anotado e incluído na lista dos favoritos. Um grande abraço.

dugabowski disse...

Carol, é só procurar o The Who aí na coluna dos marcadores, à direita, que tu vais achar o DVD. Um abraço.

dugabowski disse...

Celso, mais uma pequena aula (ser PhD [só não me pergunte por que o h é minúsculo; estudo o assunto há 21 anos e ainda não achei a resposta, mas não desisto] em música é outra coisa). Concordância em gênero, número e grau. Quanto ao box(ão) (10 CDs?) da Beau Brummels, bem que eu gostaria de dizer como o velhinho na quermesse paroquial, quando o cantador gritou 69: Bingo! Mas, infelizmente, isso aí é pepita rara, só encontrável com mucha grana (na Amazon, tem dois box da banda; o mais barato tá em torno de $70...). Então, vou ficar devendo. Mas como perguntar não ofende, vai a indagação: por acaso não serve o "Leavin' It All Behind", da Grass Root, de 1969? Tô com o discaço aqui na mão... Um grande abraço.

Lawrence David disse...

Obrigadão. O que precisarem, estou aí, pra escrever, postagem de albuns não é muito comigo ... mas texto eu sempre encaro. Parabéns pelo blog que continua sempre excelente. não tenho baixado muito porque minha net é precária. Sempre que posso passo por aqui, e o link de vocês, claro, está nos meus 3 blogs. valeu.

dugabowski disse...

Lawrence, tava dando uma olhada nos teus blogs, e são todos muito bons. Mas o que me chamou a atenção foi o artigo sobre Os Cabeludos de Porto Alegre. Moro na cidade e não conhecia essa história. Muito interessante. Um abraço.

Ser da Noite disse...

Carol,

Os links do The Who já foram substituidos.
Divirta-se.
[ ]s

Anônimo disse...

no link - fuck off!