segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Muddy Waters (2010) Authorized Bootleg: Live at the Fillmore Auditorium - San Francisco Nov 04-06 1966


O último bootleg autorizado da minha discoteca. Pra quem gosta de blues, um prato cheio. Quem quiser informações sobre o Muddy Waters, em português, clique aqui.


Muddy Waters (2010) Authorized Bootleg: Live at the Fillmore Auditorium - San Francisco Nov 04-06 1966

Músicas:
1. Forty Days And Forty Nights (Roth) 4:19
2. [I'm Your] Hoochie Coochie Man (Dixon) 2:55
3. Rock Me (Morganfield) 5:01

4. Baby Please Don't Go (Morganfield) 2:29
5. She Moves Me (Morganfield) 8:00
6. Got My Mojo Working (Foster) 4:58
7. You Can't Lose What You Ain't Never Had (Morganfield) 4:27
8. Forty Days And Forty Nights (Roth) 4:14
9. Baby Please Don't Go (Morganfield) 2:53
10. Thirteen Highway (Morganfield) 11:18
11. Rock Me (Morganfield) 6:16
12. Honey Bee [Sail On] (Morganfield) 4:34
13. Trouble No More (Morganfield) 2:45
14. [I'm Your] Hoochie Coochie Man (Dixon) 3:01
15. Long Distance Call (Morganfield) 7:09
Músicos:
Muddy Waters: Vocals
Mac Arnold: Bass
Francis Clay: Drums
Luther "Guitar Junior" Johnson: Guitar
Sammy Lawhorn: Guitar
George "Harmonica" Smith: Harmonica


10 comentários:

Aponcho disse...

Aí Duga, que puedo decir, tu sacando como siempre los Aces de la manga...
Valió la espera.
Este señor "Morganfield" tiene mucho futuro en el blues...
Saludos!

dugabowski disse...

Sabe como é, Aponcho, sempre é bom ter uma carta na manga, ainda mais um ás. E também não discordo do futuro do Sr. Morganfield no blues... do céu; agora mesmo deve estar fazendo uma jam lá com aquela negadinha da pesada que já foi morar por aquelas bandas. São Pedro, como apreciador do gênero que é, deve estar se deliciando; não sei nem se não está atracado num pianinho... Saludos!

Sasquepola disse...

Álbum excepcional Duga. Não tem nem o que dizer sobre...

Aponcho disse...

Pois é, mó gandaia lá...

dugabowski disse...

Valeu, Sasquepola. Um abraço.

dugabowski disse...

Acho que até o caras das "brasas" aparece por lá para assistir os caras... o "homem" faz vista grossa e finge que não vê. Um abraço.

Lawrence David disse...

Bom, o Muddy é o maior pra mim. Tudo passa por ele. O Cara inventou a Chess, desenvolveu o R&B, etc, etc. Já tô baixando vou ouvir e depois comento ...
Mas como não posso deixar de falar quando vejo uma postagem do lamacento, gostaria muito de uma discoteca básica postada lá no Collective. Aliás, poderiam terminar o Chuck Berry, fazer o Ricardinho e o Lobo Uivante. Tô esperando há um tempão. Quem de vocês seres da Noite, se habilita?

dugabowski disse...

Lawrence, valeu pelo comentário. Mas o teu pedido... mui amigo... O problema com esses caras é que as suas discografias são enormes e os primeiros discos muito antigos, com poucas ou inexistentes informações. Aí já viu... Se já é difícil postar uma discografia decentemente, imagina com as dificuldades que apontei. Mas quem sabe... nunga diga que desta água não beberás. Um abraço.

Lawrence David disse...

Valeu. Eu baixei daqui alguns discos do Muddy e acho que também um boxset com muita coisa legal, mas é que sou fã incondicional e tenho que ter tudo! Não precisaria ser uma discografia completa, mas poderia ter tudo o que há disponível por aí coletado. Também não sei se tem tanta gente assim tão interessada quanto eu ... Já o Howlin e o Little tenho menos coisa, é mais difícil. Espero que dessa água vocês bebam, cedo ou tarde. Aquela do Chuck é simplesmente sensacional. valeu.

dugabowski disse...

Lawrence, em primeiro lugar, desculpa pela tardia resposta. Em segundo lugar, interessados eu creio que há em número suficiente, mas a questão é aquela mesmo que eu apontei. Mas, como eu disse, quem sabe alguém, ou mesmo eu, se habilita à empreitada. Vamos ver o que futuro nos reserva. Um abraço.